Publicações e Posts


 

Esta é a seção de Postagens e Publicações, partilhadas pelos distintos sites vinculados ao Jornal A Pátria. Para retornar a seção ou blog que estava anteriormente, basta clicar nela abaixo (ou voltar no navegador):

Bolsonaro sobre Fabrício Queiroz: “eu sei que ele fazia rolo”

Em um de seus primeiros decretos presidenciais, Bolsonaro reformulou a estrutura do Coaf - órgão que rastreou e divulgou a movimentação atípica de R$ 1,2 milhão de Queiroz - e impôs censura, proibindo servidores e até o presidente do órgão de comentar processos.

Em entrevista exibida pelo SBT na noite desta quinta-feira (3), Jair Bolsonaro (PSL) afirmou que sabia que o assessor do filho Flávio Bolsonaro (PSL/RJ) na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), Fabrício Queiroz, “fazia rolo”.


Em entrevista ao mesmo SBT, dias atrás, Queiroz justificou a movimentação atípica de R$ 1,2 milhão em um ano em suas contas, detectada pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), como resultado da compra e venda de carros.


“Ele falou que vendia carros, eu sei que ele fazia rolo. Agora, quem vai ter que responder é ele. O Coaf fala em movimentação atípica, isso não quer dizer que seja ilgal, irregular. Pode ser”, disse Bolsonaro.


Em um de seus primeiros decretos presidenciais, Bolsonaro reformulou a estrutura do Coaf e impôs censura, proibindo servidores e até o presidente do órgão de comentar processos.


Amigos de longa data, Bolsonaro disse que se manterá afastado de Queiroz até que o caso seja resolvido.


“Até que ele prove o contrário, não pretendo conversar com ele. Até porque, se eu for conversar com ele, vão falar que eu estou tentando aconselha-lo de uma coisa ou de outra. Não quero contato com ele até que isso venha a ser esclarecido”.


Revista Fórum

0 visualização

CONHEÇA A NOSSA LIVRARIA! COMPRE OS NOSSOS TÍTULOS!