Publicações e Posts


 

Esta é a seção de Postagens e Publicações, partilhadas pelos distintos sites vinculados ao Jornal A Pátria. Para retornar a seção ou blog que estava anteriormente, basta clicar nela abaixo (ou voltar no navegador):

Mourão é alinhado a Jean Wyllys, diz Carlos Bolsonaro

Filho do presidente falou via Twitter. "Carlucho" há algum tempo tem atacado o vice-presidente da República.

O vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, divulgou mais uma crítica a respeito do vice-presidente da República, general Hamilton Mourão, na manhã desta 4º feira (24.abr.2019).


Em sua conta no Twitter, Carlos disse que é “estranhíssimo seu alinhamento com políticos que detestam o presidente”. Ele se referia ao fato de Mourão ter dito que Jean Wyllys não deveria ter saído do Brasil numa declaração no dia 9 de abril.


Segundo o vereador, Jean Wyllys “não saiu do Brasil por perseguição, mas por uma esperta jogada política cultural”.

A fala de Mourão a qual Carlos se refere é de 9 de abril, quando o vice-presidente participou de 1 evento no Wilson Center, durante a sua viagem aos Estados Unidos.


“Particularmente acho que ele [Jean Wyllys] deveria ter continuado [no país] e acreditado na nossa lei, na nossa polícia e na nossa política, então a gente poderia protegê-lo. Acho que ele deveria ter ficado. É muito triste quando coisas assim acontecem”, disse.


Pouco depois, o vereador escreveu que “não ataca ninguém”, mas apenas compartilha com os amigos “fatos que já aconteceram”.

Jean Wyllys foi reeleito deputado federal pelo Psol no Rio de Janeiro em 2018. No final de janeiro afirmou que abandonaria o novo mandato devido a ameaças de morte que estaria recebendo por conta das ideias que defende. Mudou-se para a Espanha.


Atrito entre Carlos e Mourão


As críticas do filho do presidente Jair Bolsonaro sobre Hamilton Mourão se intensificaram nesta semana. Numa de suas mensagens, em 22 de abril, Carlos defendeu acusações de Olavo de Carvalho sobre o general, dizendo que este é 1 “queridinho da imprensa” e compartilhou uma série de citações de Mourão, questionando falas do vice-presidente.


Jair Bolsonaro se colocou contra o posicionamento do filho e determinou 1 ponto final nas discussões. A informação foi divulgada pelo porta-voz da Presidência da República, general Otávio Rêgo Barros, disse em pronunciamento na 3ª feira (23.abr). Mesmo assim, Carlos continuou.


Via Poder360

CONHEÇA A NOSSA LIVRARIA! COMPRE OS NOSSOS TÍTULOS!