Publicações e Posts


 

Esta é a seção de Postagens e Publicações, partilhadas pelos distintos sites vinculados ao Jornal A Pátria. Para retornar a seção ou blog que estava anteriormente, basta clicar nela abaixo (ou voltar no navegador):

Privatizações ou estatizações não definem se um governo é "de esquerda" ou "de direita"



Mussolini e Hitler começaram promovendo privatizações em massa.


Na Itália, em 1922, orquestradas pelo economista liberal Alberto Di Stefane, o Posto Ipiranga de Mussolini: https://academic.oup.com/cje/article-abstract/35/5/937/1695860


Aliás, o termo "privatização" foi cunhado pela "The Economist", referindo-se a esta política do governo italiano.


Em 1933 os nazistas empreenderam a maior privatização em massa jamais vista. O chefe da economia, Hjalmar Schacht, Posto Ipiranga de Hitler, concedeu alívios fiscais aos ricos como Trump; afirmava que o motor da economia alemã seria a livre iniciativa: http://www.ub.edu/graap/nazi.pdf https://archive.org/stream/ACollectionOfSpeechesInGerman/Redesammlung-AdolfHitler157S._djvu.txt


A partir de 1933, os nazistas reduziram os gastos sociais a níveis historicamente baixíssimos https://voyager1.net/economia/alemanha-desenvolvimento-na-base-do-calote-e-de-politicas-intervencionistas/


O que aconteceu na Alemanha é que houve um programa de estatização e controle econômico da parte do Estado das empresas de países conquistados no Leste Europeu; mas daí não era meramente política econômica, era política de expropriação e domínio de guerra de povos conquistados. Assim até a Inglaterra colonial seria estatista. http://searchworks.stanford.edu/view/3412104 https://www.cambridge.org/core/journals/business-history-review/article/war-and-economy-in-the-third-reich-by-r-j-overy-new-york-the-clarendon-press-of-oxford-university-press-1994-xiv-390-pp-tables-figures-notes-and-index-5500-isbn-0198202903/F93DCAF8241476E7A2F33144B701D4A3


Richard Nixon adotou política de controle de preços e salários ante a inflação que chegava a 6%, a ponto que houve confronto político com a gigante produtora de aço United States Steel que desobedeceu e aumentou os preços em 5%.


A Inglaterra comandada pelo partido liberal estatizou a British Petroleum em 1914, por motivos estratégicos e de segurança. Churchill enquanto primeiro ministro estatizou o Bank of England e a British European Airways, a indústria do carvão, ferrovias, portos, eletricidade e gás. https://www.cambridge.org/core/books/rise-and-fall-of-stateowned-enterprise-in-the-western-world/FDAECBFBC77A40BA4F65B9CC574D728C


Francisco Franco nacionalizou fábricas de motores, ferroviárias, estaleiros, todas as empresas de comunicação e outras tantas. Criou a holding Agência Nacional Industrial socorrendo, financiando e estatizando empresas de eletricidade, petróleo, produtos químicos, alumínio, engenharia, bancos, etc. https://www.cambridge.org/core/books/rise-and-fall-of-stateowned-enterprise-in-the-western-world/FDAECBFBC77A40BA4F65B9CC574D728C


Nenhum destes governos pode ser caracterizado como "de esquerda"; ou melhor, deixar de ser caracterizado como de direita. Tais medidas muitas vezes são conjunturais, não derivadas de uma filosofia política.


O ponto de clivagem da escala dentre os espectros de ideários de direita com os de esquerda é a ênfase na igualdade social. Se ela é um valor positivo, necessário a se buscar e o desigualitarismo social um valor negativo, ou o contrário; se a desigualdade social é "naturalizada", se ela é algo vital para se estimular a ação econômico-social, ou para que as classes em maior vantagem estimulem a cultura, a virtude e a ordem social.

Sendo um valor positivo, é legítimo mobilizar forças e instrumentos políticos a seu favor. Quem considera que não é, é avesso a este emprego.


Por Meu Professor de Economia.

41 visualizações

CONHEÇA A NOSSA LIVRARIA! COMPRE OS NOSSOS TÍTULOS!