Publicações e Posts


 

Esta é a seção de Postagens e Publicações, partilhadas pelos distintos sites vinculados ao Jornal A Pátria. Para retornar a seção ou blog que estava anteriormente, basta clicar nela abaixo (ou voltar no navegador):

Sociedade e economia da URSS em 150 pontos (Parte 1)



1. Como prometido, iniciarei uma cadeia com dados sobre países socialistas que negam muitos MITOS. Comecemos.


2. A imprensa e as redes de comunicação estão há mais de 80 anos em todo o mundo repetindo “COMUNISMO = COCÔ”.


3. O comunismo está associado (na realidade se referem ao SOCIALISMO) com: - Ineficiência; - Pobreza; - Desabastecimento; - Miséria.


4. Como disse Goebbels, "uma mentira repetida cem vezes se torna uma verdade". Os liberais aplicam-no ao pé da letra.


5. O socialismo foi tão "INEFICIENTE" que a produção industrial soviética aumentou quase 11.000% em 30 anos.


6. Houve tanto "DESABASTECIMENTO" que a URSS produzia mais PRODUTOS DE CARNE com o socialismo do que agora.



7. Colocarei dados, não apenas da URSS, mas também de outros países socialistas. Também do que aconteceu depois, em vários campos.


8. Produção e dados de investimento na URSS e na Rússia capitalista. Até que o "livre mercado" chega!



9. Produção de máquinas de lavar roupa na União Soviética e na Rússia capitalista. Em milhares. Ineficiente?



10. Produção de laticínios. Na URSS e na Rússia capitalista, EM MILHÕES DE TONELADAS.



11. E é certo que alguém chegará para dizer: "Sim, eles os produziram, mas ficaram com fome". CONSUMO DE LEITE URSS/RC:



12. O gráfico da construção de tratores é muito mais visualmente impressionante. A linha vermelha: CAPITALISMO.



13. Agora que vimos a PRODUÇÃO, vamos para salários e renda disponível. Sempre ascendentes na URSS.


14. Um operário trabalhava na URSS em 1930, 7,3 horas, duas horas a menos do que no Império Russo, cobrando muito mais.



15. Tenha em mente que o Escritório de Emprego é criado por Lênin (porque antes havia "agências de aluguel de trabalhadores" = ETT) em 1918.


16. Bem, esses Escritórios de Emprego ficaram FECHADOS em 1930 até 1988. 58 anos sem desemprego na URSS.



17. O rendimento disponível dos trabalhadores soviéticos continua a aumentar durante toda a história da URSS até Gorbachev.



18. Se você prestar atenção, ao contrário do que acontece no capitalismo, os salários sempre subiram muito mais do que os preços, quase estáveis.


19. E a igualdade entre aqueles que ganhavam menos e mais foi muito maior. Vermelho: URSS Cinza: Rússia 1-10 (10: menor)



20. E tudo isso se refletiu no consumo de alimentos e bens. Evolução na URSS (década dos 70):


21. CALORIAS por habitante, por dados da FAO. Consumiam-se mais calorias por pessoa na URSS do que na Rússia.



22. De fato, as filas de escassez que põem da URSS são de quando o TRAIDOR de Gorbachev LIBERALIZA, em 1990.


23. Há até IGNORANTES que falam sobre "cartões de racionamento". Isso nunca existiu na URSS. Nunca. Mas na Espanha sim.


24. De fato, o peso da renda do trabalho (salários) não parou de cair desde a queda do Bloco Socialista.



25. Consumo de alimentos na URSS e na Rússia. A URSS bate a Rússia em todos os campos, exceto vegetais (que são baratos):



26. Evolução dos equipamentos domésticos nos lares soviéticos:



27. Número de trabalhadores na indústria soviética. O gráfico mostra o efeito Gorbachev e o capitalismo:



28. Essas empresas foram PRIVATIZADAS, dando origem a casos como este homem. O gráfico está em milhões:



29. Quase toda a indústria foi privatizada por Yeltsin, vendida a capitalistas. Amado no Ocidente, odiado na Rússia.


30. Entre 1993-2003, a Rússia privatizou 96.400 empresas públicas soviéticas por 192 bilhões de rublos. 192 BILHÕES roubados!



31. Algo iniciado por Gorbachev. De fato, os escritórios de desemprego soviéticos, fechados desde 1930, reabrem em 1988.



32. Eu poderia continuar, mas vamos a outros dados: SAÚDE, EDUCAÇÃO e AUMENTO DA POPULAÇÃO. Despesas com saúde no Império Russo e na União Soviética (% do orçamento):



33. Aumento do número de hospitais / centros de saúde nas diferentes repúblicas nos primeiros anos da URSS:



34. Número de hospitais na URSS (1913-1941):

URSS - azul

Rússia - vermelho

Ucrânia - verde

Belarus - roxo



35. Clínicas e hospitais na URSS. O capitalismo chega: RETROCESSO DE DÉCADAS!



36. Morbidade da tuberculose aguda na Rússia socialista e capitalista

Azul, total, em milhares

Vermelho, a cada 100.000 hab.



37. Aumento brutal do alcoolismo, AIDS, etc. com a chegada do capitalismo. E das depressões:



38. Outras informações: Peso e altura em indivíduos de 16 anos na Rússia czarista, socialista e capitalista.



39. Você entende por que os russos preferem a URSS a esta merda ou necessita de mais dados? Pare de tragar a propaganda capitalista, por favor.


40. Mais informações: Investimentos socioculturais na URSS desde 1920.



41. Número de instituições de ensino (escolas) na Rússia soviética e capitalista (vermelho = urbano, azul = rural), em milhares:



42. Índice de circulação de livros e jornais. URSS / Rússia. Veja o quão "livres" eles são com o capitalismo:



43. Nível educacional dos trabalhadores da URSS:



44. Indicadores educacionais e de saúde com o fim da URSS:



45. A população entra em colapso com o fim da URSS. Usando o crescimento natural, 33 milhões desapareceram.



46. ​​Número de nascimentos e abortos na Rússia socialista e na atual Rússia:



47. Evolução da compra de artigos de vestuário na URSS. Como você pode ver, eles não andavam descalços ou faziam suas roupas



48. A mesma CIA, que era inimiga da URSS, reconheceu que o país era autossuficiente:



49. Se a URSS caiu, foi por causa das barbaridades de Gorbachev. Este artigo explica isso muito bem: http://redroja.net/index.php/noticias-red-roja/noticias-externas/2807-l-fiesta-de-los-ladrones-el-saqueo-de-la-urss


50. Eu poderia te aborrecer com mais dados, mas vou colocar mais e completar a cadeia diariamente. Os usuários @nachazo e @jualcogar têm muito mais.


Por AlOtroLadoDelMuro (@_ju1_)

117 visualizações

CONHEÇA A NOSSA LIVRARIA! COMPRE OS NOSSOS TÍTULOS!